<script> (function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','//www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-40921063-1', 'auto'); ga('send', 'pageview'); </script> Ir para o conteúdo
ou

Thin logo

Debian Brasil

Divulgação

MiniDebConf

Latinoware 2016

Fotos no FISL17

Fotos na CPBR9

Tela cheia

Usando o BTS para checar traduções em pacotes

30 de Julho de 2013, 0:00 , por Paulo Santana - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 394 vezes

Usando o BTS para checar traduções em pacotes

Nesta pequena seção apresentaremos um simples tutorial de como proceder para verificar se alguém já efetuou alguma tradução para o mantenedor de um pacote no qual voluntários gostariam de trabalhar.

O Debian possui um Sistema de Gerenciamento de Bugs (BTS) através do qual enviamos detalhes de bugs reportados por usuários e desenvolvedores. Cada bug é associado a um número e é mantido no arquivo até que seja marcado como tendo sido trabalhado.

Assim sendo, utilizaremos a página: http://www.debian.org/Bugs para checar se o mantenedor já recebeu alguma tradução através de Bugs abertos para o mesmo.

Vá para Visualizando relatórios de bugs na WWW

Encontre um bug pelo seu número:

Selecione a opção mantenedor email

Preencha o campo Pelo que procurar com o email do mantenedor do pacote e clique em find

Aguarde alguns segundos e pronto. Se existir algum Bug aberto para pacotes mantidos por este mantenedor, os mesmos serão apresentados. Confirme o que deseja e acesse o link dele.

Verifique os Bug´s com severidade wishlist e encontre as informações necessárias.

Atenção

Esta etapa é muito importante para que você não faça nenhum trabalho duplicado, desperdiçando seus esforços com algo que já foi ou está sendo traduzido!

 


Tags deste artigo: bug bts debian debianbrasil